Cidades

Aniversário de Apucarana terá show com Edson e Hudson

| Edição de


A programação comemorativa ao aniversário de 75 anos de emancipação política e administrativa de Apucarana está sendo preparada pela prefeitura. As principais atrações foram discutidas ontem no gabinete municipal, em reunião comandada pelo vice-prefeito Junior da Femac. Uma das novidades é a realização de show com a dupla sertaneja Edson e Hudson, no dia 27.
Ele revela que a organização dos festejos foi solicitada pelo prefeito Beto Preto que, nos próximos dias deve assumir em definitivo o cargo de secretário de saúde do Paraná. “A comemoração dos 75 anos de Apucarana, que começa no dia 25 de janeiro (sexta-feira), será especial com shows musicais, praça de alimentação dos pioneiros, Prova Pedestre 28 de Janeiro e inaugurações de diversas obras públicas”, adianta Junior da Femac.
Segundo ele, algumas atrações já estão garantidas e outras ainda dependem de acertos finais. “Podemos adiantar que teremos duas atrações de renome nacional. Um delas já está confirmada, com show da dupla Édson e Hudson, no dia 27 de janeiro (domingo). A outra atração musical, na segunda-feira, dia 28, ainda está sendo negociada”, informa o vice-prefeito.
A festa comemorativa ao aniversário de Apucarana, a exemplo de anos anteriores, também terá espaço para músicos locais e regionais. Também está sendo negociada uma nova apresentação da orquestra Facmol (São Paulo), que esteve em Apucarana na programação natalina e agradou muito o público, gerando uma repercussão muito positiva.
As barracas da praça de alimentação funcionarão em entorno da Catedral Nossa Senhora de Lourdes, a partir do dia 25 de janeiro, até o dia 28, aniversário do município. Já a tradicional e internacional corrida pedestre 28 de janeiro, acontece na noite do dia 26 (sábado). 
Durante os quatro dias da programação serão entregues à população várias obras que estão sendo concluídas, nas áreas de infra-estrutura urbana, educação e saúde.
“Apucarana nunca esteve numa fase tão boa como agora, mesmo com a crise econômica nacional e as dívidas herdadas pela atual gestão, que tiram dos cofres públicos R$ 2 milhões por mês. A cidade retomou seu protagonismo no cenário paranaense e vai comemorar seus 75 anos em grande estilo”, avalia o vice-prefeito Junior da Femac.