Política

Apucarana paga R$ 3 milhões de obrigações trabalhistas

| Edição de

No início do seu primeiro mandato, em 2013, o prefeito de Apucarana, Beto Preto (PSD), foi surpreendido com sucessivas notificações da Receita Federal, referentes a multas trabalhistas, falta de recolhimento de encargos e do Pasep, que somavam em torno de R$ 3 milhões. “Os valores eram elevados e não havia condições de quitar tais dívidas, por isso recorremos a um parcelamento de sessenta meses, ou seja, de cinco anos”, explica o secretário municipal da Fazenda, Marcello Augusto Machado, anunciando que o montante já está próximo de ser integralmente quitado.