Política

Câmara acata veto de prefeito e sugere novo projeto de cesta básica

| Edição de

Numa sessão bastante polêmica, a primeira ordinária após o recesso parlamentar do mês de julho, a Câmara de Vereadores de Arapongas acatou anteontem, por 8 votos a 7, veto do prefeito Sérgio Onofre da Silva (PSC) ao projeto de lei subscrito pelos 15 vereadores que propunha a concessão de um vale alimentação no valor de R$ 250 a todos os servidores do Legislativo. Sob protesto da oposição, os vereadores da base aliada do prefeito, que haviam concordado com a proposta inicial, decidiram votar favorável ao veto e propor um novo projeto de lei que melhor atenda às necessidades dos servidores e garanta uma segurança jurídica à mesa diretora da Casa e a todos os demais que compõem o Legislativo.