Política

Câmara aprova regulamentação da GM de Apucarana

| Edição de


A Câmara dos Vereadores de Apucarana aprovou por unanimidade, em primeira votação, dois projetos que regulamentam o trabalho da Guarda Municipal (GM) da cidade. Um deles, o projeto de lei complementar 2/2020, institui o estatuto da GM. O outro, o plano de cargos e salários da corporação, é nomeado como projeto de lei complementar 3/2020. Ambos são de autoria do Executivo municipal.
Os projetos foram aprovados ontem, em sessão extraordinária. O presidente da Casa, Luciano Augusto Molina (REDE), ressaltou a importância do projeto. “Este é um anseio da GM de Apucarana, que aguardava há muito tempo por estes projetos, que agora o prefeito Junior da Femac colocou em andamento”.
De acordo com a justificativa enviada pelo Executivo municipal junto ao projeto, A elaboração de um Estatuto e o Plano de Carreira é vista como uma etapa essencial para o desenvolvimento dos servidores. É a estratégia mais eficiente para que, tanto o Município quanto seus servidores possam ter uma visão de curto, médio e longo prazo a respeito das possibilidades de crescimento de ambos, um plano estratégico interfere desde a motivação da equipe até a redução da rotatividade, com isso aumentando a produtividade. O principal objetivo de um plano de carreira é reter talentos presentes nas corporações.
A vereadora Márcia Sousa (PSD) também destacou o texto. “Temos que parabenizar o prefeito Junior da Femac pela iniciativa de propor este importante projeto de lei complementar, ainda mais nestes tempos de coronavírus. Muito se fala nos agentes de saúde pública, e com justiça. Mas temos que lembrar que a GM também está na ‘linha de frente’, conscientizando a população acerca da doença”.
O comandante da GM de Apucarana, Alessandro Carletti, afirmou que a aprovação de ambas as leis é extremamente positivo. “Estes são projetos muito importantes para a nossa corporação. É uma valorização do trabalho de todos os guardas municipais de Apucarana”.
Agora, os textos precisam ser votados em mais duas sessões. A próxima acontece hoje, às 15 horas, com transmissão ao vivo pelo canal da Câmara no YouTube.