Colunas

Eleições no Congresso

| Edição de

A retomada dos trabalhos no mês que vem no Congresso Nacional vai começar com a definição de lideranças na Câmara dos Deputados e no Senado. Parlamentares irão eleger já no primeiro dia – 2 de fevereiro – os presidentes das duas Casas. Os cargos são estratégicos para a conjuntura política, por terem o poder de definir a pauta de votações e arbitrar disputas entre congressistas. Os presidentes da Câmara e do Senado são eleitos para um mandato de dois anos. Eles também são influentes na escolha de presidentes das comissões e de relatorias de projetos de lei importantes. Cada um desses cargos tem atribuições especiais. O presidente da Câmara, por exemplo, tem a prerrogativa de decidir se denúncias que pedem o impeachment do presidente da República devem tramitar ou ser arquivadas. Já o presidente do Senado decide se derruba vetos do presidente da República a projetos de lei já aprovados.