Opinião

Gestos de honestidade não deveriam surpreender

| Edição de

Em um país marcado pela corrupção e pelos desvios bilionários de recursos públicos, o gesto de honestidade do apucaranense Vitor Batista, de 83 anos, chama atenção. Ele procurou na última quarta-feira a 17ª Subdivisão Policial (SDP) para entregar um mostruário de peças de prata. As joias estão avaliadas em R$ 6 mil. O aposentado encontrou o mostruário na rua, quando caminhava com a esposa Sebastiana Lacerda Batista, e não sossegou até entregar as peças na delegacia.