Cidades

Morre advogado e fotógrafo apucaranense

| Edição de

O advogado e fotógrafo Irmo Celso Vidor, 66 anos, foi mais uma vítima da pandemia em Apucarana. O profissional, que também foi um incentivador do ciclismo na cidade, morreu na noite de quinta-feira no Hospital da Providência, onde estava internado desde o último dia 16. Com dois registros nesta sexta-feira, o município somou 259 mortes decorrentes complicações da covid-19.