Cidades

Morte de jovem de 28 anos comove Borrazópolis

| Edição de

Uma jovem de 28 anos de Borrazópolis, uma costureira de 34 anos e uma diarista de 39 anos de Apucarana e um pioneiro de Faxinal estão entre as vítimas de complicações do covid-19 que tiveram morte registradas ontem.
Em Apucarana, duas mulheres jovens faleceram ontem. Cassia de Jesus Dias, 34 anos, morreu ontem no Hospital da Providência. Ela deixa o marido e duas filhas pequenas. De acordo com a família, ela teria testado positivo há cerca de 15 dias. Na última sexta-feira, passou mal e precisou ser hospitalizada. Ainda de acordo com familiares, Cassia é a 3ª vítima fatal da Covid-19 na família.
A diarista Claudineia Soares, 39 anos, também passou por um período curto de hospitalização. Ela foi internada na noite de domingo (30), foi entubada na madrugada de segunda e morreu ontem. Ela deixa quatro filhos, três meninas e um menino, além do marido e diversos amigos que cultivou ao longo dos anos. 
Outra vítima de Apucarana foi o aposentado Jair Pedro Hilário. Ele estava internada desde a semana passada e também faleceu ontem. As mortes não constam no boletim de ontem da AMS, que confirmou 4 óbitos - de uma mulher de 65 ano e homens de 68, 58 e 69 anos – ocorridos entre sexta-feira e anteontem, além de 163 novos casos.
Em Borrazópolis, a morte de Rafaela Vieira Vettor, 28 anos gerou grande comoção na cidade. A jovem, que era casada e trabalhava em uma lotérica, tinha problemas respiratórios. Ela foi internada inicialmente no Hospital Municipal depois transferida para a Santa Casa de Arapongas. Ela é a 20ª vítima da pandemia.
Em Faxinal a 57ª vpitima é o pioneiro Genipo José dos Santos, conhecido também como Genipel. Ele chegou a ser internado para o tratamento da doença, mas não resistiu. 
Também foram confirmados ontem óbitos em Arapongas, Jandaia do Sul e São João do Ivaí. 
(ADRIANA SAVICKI)