Opinião

Novo pacto federativo é oportunidade para reformas

| Edição de

Os cerca de R$ 400 bilhões que devem ser revertidos para estados e municípios brasileiros através do novo pacto federativo proposto pelo governo Bolsonaro deverá ser se suma importância. O país hoje tem ao menos seis estados praticamente ‘quebrados’, necessitando urgentemente de suporte financeiro para poderem se reerguer, sob pena de piorar os já defasados serviços públicos. No entanto, o dinheiro do pacto não pode ser utilizado como ‘muleta’: reformas devem ser adotadas, bem como mais critério com os gastos do dinheiro público.