Cidades

Operação localiza descarte irregular de resíduos em córrego no Bela Vista

| Edição de


Atendendo a uma denúncia, uma operação do Batalhão de Polícia Ambiental e Instituto Ambiental do Paraná (IAP), localizou ontem ponto descarte irregular de resíduos em um afluente do Pirapó em Apucarana. O gerente da empresa identificada como causadora da poluição, o Frigorífico União, foi detido em flagrante pelo crime de poluição ambiental. 
Amostras da água, que foi coberta por uma espuma espessa e de forte odor ,  foram coletadas para análise. A empresa não tem licenciamento para descarte de efluentes no rio. O caso foi acompanhado também pelo Ministério Público.
O promotor Eduardo Cabrini, que responde interinamente pela Promotoria do Meio Ambiente de Apucarana, explica que o MP, juntamente com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, constataram o lançamento irregular. “A licença ambiental obtida pela empresa proíbe qualquer tipo de descarte de efluentes no rio. Foram feitas coletas de amostras da água, que passarão por análise. Só com os resultados em mãos é que poderemos indicar os próximos passos do inquérito”.
Ele ressalta ainda o histórico da empresa. “Não é a primeira vez que recebemos denúncia de descarte irregular de rejeitos pela empresa. Já há um histórico desse tipo de prática. Isso tudo será analisado”. O gerente da empresa foi preso em flagrante e encaminhado para 17ª SDP. Ele foi liberado no final da tarde após pagamento de R$ 6 mil de fiança. O valor das multas ainda deve ser calculado.