Cidades

Plataforma Governo Digital oferece mais de 300 serviços

| Edição de


A governadora Cida Borghetti lançou oficialmente ontem o Governo Digital. A plataforma na internet já oferece mais de 300 serviços públicos aos cidadãos paranaenses e agora também pode ser acessada pelo celular. O anúncio foi feito na solenidade de comemoração dos 54 anos da Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar).
O aplicativo do Governo Digital já está disponível no sistema operacional Android e até a próxima semana também para aparelhos com IOS. Com o lançamento, a leitura do conteúdo e o acesso aos serviços online ficou mais rápido e ágil. “Agora ficou mais fácil acessar os serviços públicos, pois o cidadão paranaense pode carregar o governo na palma da mão”, afirmou a governadora.
Cida disse que a plataforma de serviços na internet é um benefício que fica para os paranaenses e deve ser ampliado. Ela também destacou a importância da criação do aplicativo para a vida das pessoas. “Isso é um grande avanço, pois antes de sairmos de casa podemos até esquecer casaco e guarda-chuva, mas nunca deixamos o celular”, declarou a governadora.
O investimento e a atenção dada à plataforma digital, disse o secretário da Comunicação Social, Alexandre Teixeira, faz parte da estratégia do Governo Estadual de estar o mais próximo possível do cidadão. “A criação do Governo Digital é um processo de modernização da gestão da pública, que fica como legado aos futuros governantes”, afirmou Teixeira.
Uma das novidades é a possibilidade de pedir por meio do Governo Digital a Credencial do Idoso – obrigatória para que a pessoa acima de 60 anos possa usufruir o direito a estacionar nas vagas exclusivas – sem necessidade de deslocamento ao órgão emissor. Para imprimir a credencial, válida em todo o país, basta confirmar dados como RG ou CNH emitido no Paraná.
O Governo do Estado também firmou parceria com o Governo Federal e, a partir de hoje, passa a oferecer na plataforma diversos serviços, como o Bolsa Família, por exemplo. “Com essa novidade, o cidadão paranaense passa a ter acesso a mais de 2 mil serviços públicos”, relatou o coordenador do projeto Governo Digital, Marco Aurélio Barbosa.