Cidades

Proprietários precisam entregar ITR

| Edição de


Os proprietários de imóveis rurais têm menos de um mês para entregar as declarações anuais do Imposto Territorial Rural (ITR) 2019. O prazo termina dia 30. Em 2018, em todo o país, foram entregues 5,6 milhões de declarações do ITR. A expectativa é que, neste ano, o número alcance 5,7 milhões. Em Ivaiporã, vários proprietários rurais que têm tido dificuldade para realizar a declaração têm procurado o Sindicato do Trabalhador Rural de Ivaiporã (STRI). 
Conforme Donizete Pires, presidente do STRI, o sindicato presta este serviço. “O sindicato dá orientações sobre o ITR e realiza a declaração para o produtor, mediante uma taxa que fica em média R$ 30. Para os associados o sindicato dá desconto de 50%”, comenta. 
Pires explica que todos os proprietários de imóveis têm a obrigação de enviar a declaração, até aqueles que perderam ou transmitiram a posse da propriedade este ano. “Em alguns casos as pessoas são isentas do imposto. Por exemplo, aquelas pessoas que têm uma única propriedade com menos de 10 alqueires, podem ser isentas. Mas o fato de ela ser isenta, não a isenta de fazer a declaração anual”, destaca. 
Aqueles que perderem o prazo de entrega da declaração terão que pagar multa de 1% calculado em cima de cada mês ou fração do atraso. Fazendo a declaração dentro do prazo, além de evitar a multa, o proprietário rural evita ainda bloqueios na documentação. 
(IVAN MALDONADO)