Política

Tomada de medida ainda não está descartada por prefeituras

| Edição de

Outros municípios não bateram o martelo a respeito, mas não descartam adotar o passaporte da vacina, como admite Cristiane Pantaleão, diretora do Departamento de Saúde de Ivaiporã. “Estamos avaliando. Até porque o nosso decreto não ampliou a liberação para shows maiores. Nós só aumentamos (a lotação) para eventos em locais fechados de 250 para 500 pessoas. Por enquanto, não recebemos nenhuma solicitação de shows maiores. Se pedirmos passaporte será provavelmente nesses locais, onde sabemos que é mais difícil ter o uso de máscara. Aqui em Ivaiporã a gente está conseguindo uma boa adesão nas vacinas, com poucos casos positivos. Se a gente conseguir controlar assim, até que não será muito obrigatória a exigência do passaporte”, disse