Cidades

Vacinas devem chegar em 10 dias, diz ministro

| Edição de

Segundo o ministro Marcelo Queiroga, que tratou do assunto ontem junto ao Senado, a previsão é de que novas doses da vacina CoronaVac só sejam distribuídas pelo Instituto Butantan daqui a 10 dias. Sem dar detalhes, ele informou que a pasta deve emitir nos próximos dias uma nota técnica sobre a aplicação da segunda dose de vacinas contra a covid-19.
Queiroga lembrou que essa é uma preocupação da pasta há mais de um mês, quando o ministério autorizou a utilização imediata de todas as vacinas contra a covid-19, sem a necessidade de manutenção de estoques para aplicação da segunda dose.
Para a próxima quinta-feira (29), há expectativa de chegada do primeiro lote da vacina da farmacêutica Pfizer, no Aeroporto de Viracopos, em São Paulo.
“São doses prontas, e o Ministério da Saúde já organizou toda a logística para essa vacina. Nós temos capacidade, sim, para aplicar a vacina da Pfizer com bastante segurança”, disse.