Saiba mais sobre calos de apoio em cães com ajuda de veterinária

| Edição de
Saiba mais sobre calos de apoio em cães com ajuda de veterinária

Este é um problema muito comum em cães de raças grandes e gigantes, e em animais idosos de qualquer porte. Os calos de apoio, normalmente localizados na região do cotovelo e quadril dos cães são um grande problema para os proprietários, pois necessitam cuidados extremos e continuados. Os cotovelos são regiões sem depósito de gorduras, e quando o animal senta ou deita, ele se apóia nos cotovelos e o atrito vai tornando a pele mais espessa, formando assim os calosidades.

Como a região tem pouca sensibilidade, o animal não sente dor quando lesiona, e aí está o grande problema, pois ele continua se apoiando e vai agravando cada vez mais o quadro. Então se seu cão é de porte grande, fique sempre atento a região do cotovelo, coloque colchonetes ou cobertas, pra evitar que tenha atrito direto com o solo, evite deixar seu animal em piso bruto ou irregular. Se o seu animal for obeso, não descuide, pois eles têm maiores complicações.

Se ele machucar a região do calo, facilmente ocorre contaminação da ferida, causando infecção que se não tratada pode levar o animal a sepse. Mantenha a região dos calos sempre hidratadas. Cães pequenos também podem apresentar calos, embora seja mais difícil. Inspecione seu animal com freqüência, e ao perceber qualquer alteração, leve seu cão ao veterinário.

Texto escrito pela veterinária Raquel Scaff